Lotus paralisa a produção de novos modelos por 60 dias




A Lotus anunciou uma paralisação da produção de seus novos modelos pelo prazo de 60 dias. Isso porque o governo da Malásia – país onde a marca está localizada  – vendeu sua participação na Proton, empresa parceira da Lotus.

Com a negociação, um contrato prevê que todas as atividades da empresa sejam paralisadas até que as partes envolvidas entrem em comum acordo em relação ao futuro dos negócios da Lotus.

Assim, a marca será forçada a adiar o lançamento de modelos como o Exige S, Evora GTE e o sucessor do Esprit. Segundo Dany Bahar, CEO da Lotus, já há conversas em andamento com a DRB-Hicom, nova proprietária da Proton, para assegurar que o desenvolvimento dos esportivos continue.

curta e siga Quatro Rodas

Assine a newsletter Quatro Rodas

curta e siga Quatro Rodas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...