Toyota já sabia de problemas de aceleração involuntária, afirma CNN




Toyota já sabia de problemas de aceleração involuntária, afirma CNN. A CNN informou que a Toyota sabia dos problemas de aceleração involuntária que causaram recall global de mais de 8 milhões de veículos em 2009 e 2010. O documento apresentado pelo canal de notícias coloca em dúvida as investigações da Toyota e da National Highway Traffic Safety Administration (NHTSA).

No programa Anderson Cooper 360 foram mostrados memorandos confidenciais, escritos em japonês, que circularam pela montadora japonesa em 2006, comprovando que a falha nos pedais do acelerador não foi causada pelos tapetes, mas sim por uma falha eletrônica no piloto automático.

Os documentos já apontavam o defeito em carros pré-série no modelo de código 250L, que deu origem ao Lexus LS 460. De acordo com a CNN, o memorando sugere que uma revisão do software poderia ser implementada em outro modelo, o Toyota Tundra, conhecido internamente na época pelo código 180L.

Em comunicado, a Toyota negou a relação do documento com o problema. A montadora afirmou que o memorando não foi entregue ao órgão governamental por se tratar de um defeito apenas em carros pré-série do LS 460, vendido na Europa e Japão.

“A CNN, de forma irresponsável, colocou no ar uma informação imprecisa, sem comprovação científica, alegando que existe um defeito escondido no sistema de aceleração que pode causar aceleração involuntária”, afirmou a marca em comunicado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...